Técnicas para durar mais na cama

Mais fácil do que parece, para que aguente a noite toda sem parar...ou, pelo menos, 5 minutos. Antes de correr para o médico para pedir receitas, ponha em prática algumas técnicas.

16 de Fevereiro de 2017

Pode o comprimido azul fazê-lo durar mais na cama? Segundo as últimas investigações publicadas no Journal of Sexual Medication, a resposta poderia ser afirmativa. Um grupo de investigadores reviu 14 estudos que monitorizaram os efeitos que têm os inibidores da fosfodiesterase tipo 5 (presentes em medicamentos contra a disfunção erétil) sobre os homens com ejaculação precoce. Onze dos estudos concluíram que a medicação os ajudou a tardar mais para chegar ao orgasmo.
Mas se o que está à procura é adicionar minutos ao seu marcador do clímax anterior, antes de correr para o médico para pedir receitas, ponha em prática as seguintes três técnicas.

Técnica da pausa
Precisa de conhecer o momento em que o seu nível de excitação chega ao ponto do não-retorno. Comece pela estimulação, mas quando notar que está muito excitado, faça uma pequena pausa de uns 5-10 segundos. Isso irá permitir que a sua excitação baixe um pouco. Depois de umas quantas repetições, termine em altas. E sim: pode praticar esta técnica sozinho.

Técnica do aperto
Assim que sentir que está perto do orgasmo, pare e aperte abaixo da sua glande. Assim irá centrar a pressão na uretra (o tubo que decorre pela parte inferior do pénis) e temporariamente reprime a ejaculação. Uma vez que se acalmou um pouco, repita umas quantas vezes antes do clímax.

Técnica do preservativo
Outra técnica muito útil para retardar a sua ejaculação é colocar um preservativo de dessensibilização. Estes têm uma substância chamada benzocaína que o ajudará a ganhar uns minutos extra. É isso mesmo: assegure-se que não o mete ao contrário, ou a benzocaína acabará na vagina (e acreditamos que isso é o que você não quer).

Confira mais curiosidades sobre sexo na Men's Health